Qual a importância da análise de concorrência? - Tray Corp

Análise da concorrência: o que é, qual é a importância e como fazer

Separamos este artigo para ajudar você a fazer a análise de concorrência da sua empresa. Confira agora!

Precisa de ajuda para fazer a análise de concorrência da sua empresa? Então, este artigo é para você. Confira!

A análise de concorrência é muito importante para você entender o seu mercado a acompanhar as tendências do seu segmento. Essa é uma estratégia muito eficiente que permite que o seu negócio encontre espaços no mercado que o ajudam a se destacar da concorrência e, com isso, ganhar a preferência dos seus potenciais clientes.

Colocando a análise da concorrência em prática, você tem mais chances de melhorar as suas vendas e encontrar um diferencial competitivo que agregue valor à sua marca.

A seguir, explicamos com mais detalhes o que é a análise de concorrência, quais as vantagens que ela oferece para o seu negócio e como aplicá-la no seu e-commerce.


O que é análise da concorrência?

A análise da concorrência nada mais é que uma comparação feita entre seus concorrentes diretos e indiretos e a sua empresa. Nesse momento, é necessário levar em consideração os pontos fortes e pontos fracos de cada negócio para entender qual é o diferencial competitivo da sua empresa.

Além disso, essa análise permite que você identifique como seus concorrentes têm se comportado para melhorar a experiência do consumidor, quais são os preços praticados, quais estratégias de marketing estão sendo usadas, como funciona a logística etc.

É importante destacar que ao fazer essa pesquisa de mercado, a sua empresa terá a chance de competir em nível de igualdade mesmo com outros negócios que estão a mais tempo no universo online.

Em suma, podemos afirmar que a análise da concorrência permitirá que você identifique eventuais falhas dos seus concorrentes e trabalhá-las para entregar ao seu cliente algo que ele nem sequer espera receber.

Quais são os tipos de concorrência?

Para analisar a sua concorrência de maneira adequada, você precisa conhecer tipos de concorrência existentes para que suas estratégias sejam realmente eficientes e proporcionem resultados satisfatórios para o seu negócio. Veja quais são eles!

Concorrência direta

A concorrência direta refere-se às empresas que oferecem os mesmo produtos ou serviços que os seus, têm uma precificação semelhante à sua, entre outros fatores que fazem com que elas atinjam o mesmo público-alvo e nicho de mercado que o seu.

Para sair à frente desse tipo de concorrência, você precisa investir em ações de marketing certeiras para que o seu potencial cliente enxergue valor no que a sua empresa oferece, principalmente ao comparar os seus produtos com os da concorrência.

Concorrência indireta

No caso da concorrência indireta, as demais empresas não oferecem o mesmo tipo de produto ou serviço que o seu, porém, elas têm como alvo o mesmo público do seu negócio. Nesse momento, são aplicadas estratégias de substituição que visam influenciar a decisão de compra dos seus clientes.

Quais são as vantagens de analisar a concorrência?

Quando você faz uma correta análise da concorrência, é possível ter a certeza de que as práticas utilizadas em sua empresa não são obsoletas e nem atrasadas. Isso impede que os seus concorrentes fiquem à sua frente, tornando o seu negócio cada vez mais competitivo. Entre as principais vantagens dessa prática podemos citar:

  • manter a sua empresa atualizada com o mercado;
  • atrair mais clientes para o seu e-commerce;
  • melhorar a rotatividade do seu estoque;
  • possibilitar uma visão mais abrangente do negócio;
  • melhorar o relacionamento com os seus clientes.

Como fazer análise da concorrência do e-commerce?

Depois de entender o que é análise da concorrência e as vantagens que ela oferece para o seu negócio, é necessário saber como aplicá-la no seu e-commerce. Confira essas dicas!

Conheça a sua empresa

Antes de analisar o que as outras empresas fazem para otimizar seus lucros e aumentar suas vendas, você precisa conhecer o seu negócio, a fim de identificar o que pode ser otimizado. Nesse momento, avalie se a sua empresa é capaz de prestar um atendimento de qualidade, se seus produtos atendem às exigências do mercado, se os fornecedores estão satisfeitos com a parceria, entre outros fatores.

Com esses dados em mãos, é possível entender quais são os pontos fortes e fracos da sua empresa para melhorar a competitividade no seu segmento.

Saiba identificar seus reais concorrentes

Agora é hora de entender quem são seus concorrentes. Aqui, você conseguirá identificar as características de cada um para saber o que fazer para se diferenciar deles com eficácia. Colocar-se no lugar do seu cliente é fundamental para fazer essa análise. Dessa forma, você conseguirá entender melhor as suas necessidades e o quais as soluções que eles esperam do seu produto.

Lembre-se de que, para identificar os concorrentes, é preciso observar se os produtos oferecidos são semelhantes aos seus, sem deixar de lado a precificação e estratégias usadas para alcançar o público-alvo.

Alinhe as estratégias da concorrência

Agora você precisa alinhar as estratégias da sua concorrência para analisar quais delas são mais vulneráveis e quais são os pontos de fragilidade que cada uma delas apresenta. Com base nesses dados, é possível entender o que motiva o seu público-alvo a tomar a decisão de compra e trabalhar as estratégias que mais influenciam nesse resultado.

Assim, você consegue entender o que leva o seu potencial cliente a escolher os produtos de outra marca e, com isso, pode melhorar os seus pontos fracos para chamar a atenção dele.

Encontre o seu diferencial

Existem empresas que estão há anos no mercado e ainda não encontraram o seu diferencial. Isso é algo preocupante, pois é o diferencial competitivo que incentiva o cliente a escolher a sua marca e comprar os seus produtos.

No entanto, vale destacar que o diferencial competitivo precisa estar ligado à inovação, ou seja, precisa ser algo que os seus concorrentes não podem oferecer com tanta facilidade.

O diferencial da Amazon, por exemplo, está na sua logística, que é rápida e eficaz — fator que é motivo de “dor de cabeça” para inúmeros e-commerces do país.

Por fim, é importante destacar a importância de rever o planejamento periodicamente, visto que as tendências do mercado digital chegam muito depressa e é preciso se adiantar na adaptação em relação à concorrência. A análise da concorrência ajudará o seu negócio a ter uma melhor percepção do mercado e das tendências que o levará a se destacar.

cta-migracaoPowered by Rock Convert
Solicite uma proposta