Início Experiência do consumidor A importância do layout para loja virtual como cartão de visitas

A importância do layout para loja virtual como cartão de visitas

layout-para-loja-virtual

Layout para loja virtual é assunto sério e, para ter sucesso em um e-commerce, você precisa investir nisso. Engana-se quem pensa que a questão diz respeito apenas à aparência de um site. É justamente sobre isso que falaremos neste artigo.

Continue a leitura para conhecer todos os itens que fazem parte do layout para loja virtual e o que considerar em cada um deles.

O visual como um diferencial competitivo no e-commerce

Imagine o seguinte cenário: você acessa um belíssimo e-commerce, que atrai por todos os elementos visuais que apresenta. Começa a percorrer pelas categorias, já encontrando um pouco de dificuldade para localizar os produtos que deseja adquirir. Finalmente, você os acha.

Estão faltando algumas informações técnicas importantes sobre eles, mas você decide concluir a compra assim mesmo. No carrinho, mais dificuldade. Além de precisar preencher muitos dados, as solicitações não são nada objetivas. Nesse momento, você já pensa seriamente em desistir da compra.

Todos esses elementos problemáticos que citamos nessa situação hipotética — mas que pode acontecer mais frequentemente do que imagina — englobam o layout para loja virtual. Não tem jeito: os e-commerces tornaram-se um dos símbolos do universo digital. Eles cresceram não somente em quantidade, mas em qualidade.

Hoje, para atrair clientes e fidelizá-los, é essencial estar atento à estrutura visual como um todo, priorizando a user experience (UX) — ou experiência do usuário. Quando falamos sobre o tema, não estamos apenas nos referindo à atração que um bom layout causa nas pessoas. Para além disso, é preciso pensar na conversão, que é o objetivo final de qualquer e-commerce.

É fundamental entender a importância de itens como inteligibilidade, usabilidade, acessibilidade, adaptabilidade, entre outros elementos essenciais para uma boa experiência por parte do consumidor.

Diferenças à parte, podemos comparar a estrutura de uma vitrine virtual com a de uma loja física. Um cliente provavelmente entrará e permanecerá em uma loja caso ela tenha uma fachada bonita, um mostruário organizado, um vendedor simpático e atencioso, mercadorias de qualidade, etc.

Na loja virtual, a experiência com vendedores é substituída por elementos descritivos claros na página e pela disponibilização de atendimento ao cliente, por exemplo. Tudo isso deve funcionar em harmonia. Pense: mais simples do que se deslocar de uma loja física para outra é mudar de uma página para outra na internet e concluir a compra em um concorrente.

Como organizar sua página para ter sucesso

Para gerar uma experiência mais agradável ao consumidor, é preciso prestar atenção em alguns elementos-chave. Confira!

Imagens

O fato de não poder tocar, olhar pessoalmente e sentir o cheiro de um produto precisa ser compensando com fotos para loja virtual de boa qualidade.

As pessoas, de modo geral, se sentem atraídas por imagens. Para o seu e-commerce, é essencial investir em fotografias que mostrem todos os pontos importantes de cada item. Se possível e adequado, exiba-os sendo usados por uma pessoa.

O ideal é veicular imagens originais em sua página, não aquelas retiradas de outros locais da Internet. Isso ajudará a fortalecer a identidade da sua marca. Aqui, não nos referimos apenas às imagens das mercadorias, mas também àquelas usadas em todo o layout para loja virtual.

Um ponto importante a ser observado é o tamanho das imagens. Muitas pessoas gostam de dar zoom nos produtos para visualizar os seus detalhes. Nesse momento, se as fotos perdem em qualidade, isso pode causar descontentamento no consumidor.

Sendo assim, é preciso buscar um equilíbrio entre fornecer fotografias que tenham alta resolução, mas que, ao mesmo tempo, não sobrecarreguem a página, tornando a navegação fluida, principalmente em dispositivos móveis.

Estoque

Outro fato que pode deixar o usuário igualmente descontente é descobrir apenas na conclusão da compra que um item que ele escolheu (ou mais de um) não está mais disponível.

É fundamental deixar claro o que há para venda e o que está esgotado. Se um item estiver disponível em mais de uma cor ou modelo, é preciso especificar o que está em falta e o que não está. Ainda em relação ao estoque, duas ações positivas são:

  • possibilitar que o usuário receba uma notificação assim que houver disponibilidade do produto. Isso é feito por meio de um campo que ele preenche com o seu e-mail;
  • fazer controle por meio de SKUs;
  • informar exatamente quantas unidades ainda restam quando uma mercadoria estiver quase no fim do estoque. Além de informar o consumidor, isso pode despertar nele um senso de urgência em adquirir aquele produto, afinal, ele já está acabando.

Fontes

Em tempos passados, era comum nos depararmos com visuais bastante parecidos entre as lojas virtuais, e uma das causas disso era a fonte usada nelas. Atualmente, existe uma gama variada de fontes disponível. Ferramentas como Google Fonts e Adobe Edge Web Fonts tornam mais fácil a escolha.

Aqui, é importante darmos algumas dicas com relação ao uso das fontes:

  • escolha fontes amigáveis, ou seja, que facilitam a leitura em tela, que é diferente da leitura no papel. Fontes serifadas — as que têm traços e prolongamentos no fim das hastes das letras — não costumam ser indicadas para páginas web;
  • não faça uso indiscriminado de fontes, por mais que, a princípio, possa parecer uma boa ideia para deixar o visual mais bonito. Além de prejudicar a performance da página, pode causar poluição visual.

Espaçamento

Esse item talvez tenha causado um estranhamento inicial em você, já que não é um elemento muito falado entre os não profissionais de design. No entanto, é algo que deve ser pensado ao projetar o layout para loja virtual, porque pode afetar desde o fluxo de navegação e a legibilidade. É importante manter um padrão. Veja alguns exemplos:

  • espaçamento similar entre elementos similares;
  • tamanho das margens em imagens;
  • espaço entre as linhas de um parágrafo.

Eles também são responsáveis por criar um foco de atenção na página. Por exemplo, em elementos para os quais é desejável dar mais destaque, o espaço em volta deles pode ser maior. Os espaços não devem ser necessariamente preenchidos pela cor de fundo branca. Eles podem ter cores diferentes e até mesmo estampados.

Ferramentas de busca

As ferramentas de busca desempenham um papel muito importante para a eficiência de uma loja virtual. Por vezes, o usuário quer navegar por todo o site, mas há muitas ocasiões em que algo específico é buscado. Em situações assim, a dificuldade em localizar uma ferramenta de busca pode significar perda de vendas.

Com isso em mente, sempre deixe o campo para buscas visível para o usuário. O mais comum é inserir a caixa no topo da página e à direita. O uso de símbolos universais de busca, como a lupa, pode influenciar positivamente a experiência de compra de uma pessoa. Outras formas de destaque podem ser usadas, como o uso de uma cor diferente para essa caixa e o tamanho adequado para uma boa visualização.

E não é apenas com a busca propriamente que você se deve preocupar, mas também com os resultados. Talvez você já tenha tido contato com uma loja virtual cuja página para apresentação de resultados fica desconfigurada após uma busca.

Além disso, procure configurar a página de modo que sejam exibidos nos resultados apenas aqueles artigos disponíveis. Uma alternativa é que todos sejam mostrados, mas que a informação sobre (in)disponibilidade esteja clara. Pode ser frustrante buscar um produto, encontrá-lo e, somente ao adicioná-lo ao carrinho, descobrir que não há disponibilidade da mercadoria.

Igualmente importante é a possibilidade de filtrar os resultados. Se um usuário busca “camisa xadrez masculina”, por exemplo, a página dará os resultados, mas o ideal é que ela possa especificar tamanho, cores da estampa, entre outros detalhes importantes que diferenciam cada artigo.

Botões

Algumas vezes, um layout para loja virtual não é bem elaborado, fazendo com que algo aparentemente simples, como botões na página, vire algo complexo.

Lembre-se: o usuário precisa reconhecer facilmente o que é um botão em sua página. Se isso não fica claro, ele pode tentar clicar repetidamente em algo que considera ser um e achar que não consegue entrar devido a algum problema, quando, na verdade, não se trata de um botão.

Navegação

Navegação é um tópico delicado. Talvez poucas coisas irritem mais um usuário do que uma página ruim para se navegar. Uma boa navegação é essencial para criar uma experiência de usuário positiva.

Sua página precisa ser amigável (user-friendly) para quem está fazendo uso dela, gerar sensação de segurança e, ao mesmo tempo, de satisfação. Do contrário, prepare-se para ver os consumidores partirem antes mesmo de concluírem uma compra. O uso de recursos como setas para orientar os consumidores é algo desejável.

Imagine que você esteja dirigindo. Placas que indicam a direção de um lugar ou outro ajudam você a chegar mais rapidamente aonde deseja. Já uma situação oposta, de ruas mal sinalizadas, torna o caminho e a chegada ao destino mais difíceis. Outros pontos importantes a serem considerados sobre a navegação:

  • pense na hierarquia dos elementos e na intuitividade que eles proporcionam. Deixe claro para o usuário em qual seção da loja virtual ele está;
  • coloque uma cor diferente para o botão “Comprar”;
  • como normalmente lemos da esquerda para a direita, busque inserir do lado esquerdo os itens que considera mais importantes.

Sobre nós

A depender do segmento em que atua, é interessante incluir no layout para loja virtual uma página que mostre aos leitores os conteúdos que representam sua empresa: quando ela foi fundada? Quais são os valores e as missões dela? Ações como essas podem ajudar a construir uma relação de maior proximidade e confiança com o cliente.

Outras informações que podem aparecer no “Sobre nós” da sua empresa são:

  • testemunhos de clientes e parceiros;
  • cases de sucesso;
  • redirecionamento para as redes sociais.

Mas, atenção: tome cuidado para que essa seção não fique maçante para o leitor ou muito descritiva. Entregue toda informação que deseja, mas de forma certeira. Assim como para outras páginas, leve em conta os elementos visuais. Destaque os depoimentos, por exemplo. Em cases de sucesso, coloque imagens ou infográficos.

Contato

Essa é outra parte essencial de qualquer e-commerce. Afinal, mesmo que o cliente tenha uma bela experiência de compra e consiga chegar aos passos finais sem problemas, é importante que as informações de contato sejam fornecidas.

Por vezes, ele vai querer tirar uma dúvida sobre algum produto, solicitar uma troca, entre outras ações possíveis. Principalmente para casos em que problemas realmente ocorreram, o contato deve ser facilitado. Independentemente da situação, isso passa uma imagem de legitimidade e disponibilidade por parte da empresa, algo especialmente importante na comunicação virtual.

A página “Contato” deve exibir todas as possibilidades para que o consumidor entre em contato com a empresa. Algumas delas são:

  • endereço;
  • telefone;
  • WhatsApp;
  • formulário;
  • e-mail.

Além disso, é essencial apresentar os horários de atendimento e, se possível, o tempo médio para resposta.

Frete e formas de pagamento

Aqui está um ponto que pode deixar muito a desejar no layout para loja virtual, culminando até mesmo em abandono de carrinho.

Quanto ao frete, informações relativas às possibilidades de envio devem ser sempre claras. Exemplo: se você oferece frete grátis para compras acima de determinado valor, deixe isso visível logo na página inicial, assim como a modalidade pela qual o produto será enviado.

Pode acontecer de o cliente preferir pagar um Sedex para receber a compra mais rapidamente do que um frete grátis via PAC, com mais dias para que a entrega seja efetuada. Está fazendo alguma promoção que inclua frete grátis? Você pode inserir um banner ou um pop-up com esses dizeres.

É indicado que o consumidor possa calcular o frete a qualquer momento a partir do carrinho, já que fatores como peso dos produtos podem influenciar o valor do frete. Essa é uma forma que a pessoa tem de monitorar o valor final da compra.

Os meios de pagamento também são muito importantes. Suponha que você aceite apenas pagamentos por cartão de crédito, mas a pessoa quer fazer o pagamento por débito. Não é positivo que ela só tome conhecimento sobre isso na conclusão da compra.

Insira um rodapé com as informações sobre as formas de pagamento aceitas. Nesse espaço, inclua também os certificados e selos de segurança da página. Já no carrinho, mostre as opções de parcelamento e juros, assim como eventuais descontos no caso de pagamentos à vista.

Checkout

É chegada a hora de fechar a compra. Já ansioso pela conclusão do processo, o cliente espera passar por esse momento de forma rápida, mas nem sempre é o que acontece.

Procure oferecer a opção de compra sem que o usuário tenha que se registrar em sua página. O cadastro é bom por vários motivos para uma empresa, mas correr o risco de perder um cliente porque ele não deseja passar por essa etapa pode não ser a melhor escolha.

Você pode informar que a opção de registro oferece algumas vantagens — e citar brevemente quais —, mas que ele também pode concluir a compra sem esse passo.

Já na conclusão da compra, procure deixar um número reduzido de etapas e garantir que os elementos estejam dispostos de forma limpa e sem distrações. Quanto mais rápido o consumidor conseguir fazer esse processo, melhor para ele e para sua empresa.

Outra questão importante é com relação a brindes, códigos e outras ações do tipo. Os brindes devem ser inseridos automaticamente no carrinho e exibidos para o consumidor antes do checkout. Se o brinde for surpresa, deve constar pelo menos a informação como “brinde surpresa” para que o usuário se sinta seguro de que o receberá.

Os cupons de desconto, por sua vez, devem ter um espaço facilmente visível para sua aplicação. Em casos de cupons expirados ou cuja entrada aconteceu de forma errada, deixe isso claro para o usuário. O mesmo vale para a situação inversa: quando o cupom foi aplicado com sucesso.

Muitos envios de mensagens aos canais de atendimento, por exemplo, poderiam ser evitados se constassem informações precisas no carrinho e no checkout. Lembre-se sempre disso ao avaliar o conteúdo do layout para loja virtual.

Interação

No layout para loja virtual, é interessante aparecer também um espaço para cadastro por meio do qual o usuário receberá ofertas e outras ações via e-mail. Essa captação poderá ser feita por meio de pop-ups e formulários.

A partir disso, é possível construir um relacionamento com os consumidores, aumentando as chances de recorrência de compra, fidelização e até mesmo para recuperação de pedidos que não foram concluídos.

O impacto de um layout profissional

Para conseguir aplicar todas essas dicas, é essencial contar com a ajuda de um profissional, seja por meio de contratações internas ou de uma agência parceira.

Um layout profissional engloba desde o logotipo da sua marca até o uso de fontes e cores mais indicadas: tudo isso ajudando a criar a identidade da sua empresa e a impactar de forma positiva o usuário da loja virtual, além da construção de uma experiência de compra excelente.

A importância de uma plataforma customizável

Tão importante quanto contar com um layout profissional para loja virtual é contratar os serviços de uma plataforma de e-commerce que seja customizável. Isso é algo bom tanto para deixar a loja com a cara da sua empresa quanto para personalizá-la ainda mais em eventos sazonais importantes, como Natal e Black Friday.

É essencial buscar o equilíbrio entre ter uma identidade marcante e usar elementos que mudam ao longo do tempo, de modo que o cliente saiba reconhecer seu e-commerce, mas que não veja exatamente o mesmo todas as vezes em que acessar a página.

Assim como ocorre nas vitrines de lojas físicas, decoradas de formas diferentes a depender da época do ano e com mudanças de produtos de tempos em tempos, o mesmo pode ser feito em plataformas customizáveis. Assim, a inclusão de banners, variação de algumas cores e alguns elementos já podem ser suficientes para causar esse impacto.

Outro aspecto de muita relevância quando nos referimos à customização de uma plataforma é com relação à responsividade do design. Em um tempo em que boa parte das compras em lojas virtuais feitas por brasileiros se dá por meio de smartphones, criar um layout para loja virtual que não se adapte a esses aparelhos é correr o risco de perder vendas. Isso está relacionado ao m-commerce, que consiste justamente nas compras feitas via dispositivos mobile.

Antes de adquirir uma plataforma, é preciso analisar em que medida ela torna possível a customização de diferentes elementos.

A relação entre o layout e a taxa de conversão

Para construir um layout bem-sucedido, é fundamental ter um conhecimento profundo sobre o seu público. Assim, algumas das práticas que podem ser realizadas nesse sentido são:

  • testes A/B para verificação das preferências dos usuários;
  • pesquisas com aqueles que concluíram a compra, sobre como foi todo o percurso pelo site, o que está bom e o que pode melhorar;
  • uso de CTAs atrativos;
  • pesquisas sobre concorrentes.

Como escolher o design ideal para sua loja

Essas são escolhas que deverão ser tomadas com base em uma série de aspectos, como os elementos que compõem a identidade visual da marca, o perfil do seu público e, claro, tipos de configurações eficientes já constatados por meio de muitas pesquisas de mercado, tais como posicionamento de determinados itens, cores etc.

Encontrar o equilíbrio entre montar um layout clean, mas com personalidade e estilo, é uma das chaves para o sucesso. Tudo isso pensado em conjunto com profissionais da área de design tornará possível estabelecer o layout para loja virtual ideal para sua empresa. Esperamos que tenha gostado deste artigo e que invista nessa importante etapa.

Para se aprofundar no assunto e conhecer mais maneiras de potencializar a experiência de compra do consumidor online, confira o nosso guia completo do UX no e-commerce!