Início Mídias pagas Pixel de conversão: entenda o que é e como usá-lo no seu...

Pixel de conversão: entenda o que é e como usá-lo no seu e-commerce

pixel-de-conversao

Uma das maiores vantagens que o marketing digital oferece está nas ferramentas de mensuração de resultados. Rastrear determinados comportamentos do usuário é essencial para avaliar estratégias como as campanhas de anúncios pagos, em que o uso do pixel de conversão dentro do site é um dos métodos mais indicados.

Confira neste texto como esse recurso funciona, de que maneira ele pode contribuir nas vendas do seu negócio e o que é necessário para instalá-lo no seu e-commerce. Boa leitura!

 

O que é um pixel de conversão?

O pixel de conversão é um trecho de código que inserimos em um site para avaliar a eficácia de uma estratégia de tráfego pago e entender melhor como as pessoas estão utilizando o seu site.

Com ele, conseguimos registrar o número de pessoas que chegam ao seu e-commerce por meio de uma campanha e, a partir daí, se elas executam ou não determinadas ações desejáveis para o seu negócio — as conversões.

Qual é a sua importância para um e-commerce?

Listamos aqui as 3 principais vantagens de utilizar o pixel de conversão.

Rastreamento das atividades

O pixel de conversão informa ao sistema de anúncios o volume de usuários que chega ao seu e-commerce depois de clicar na campanha. Além disso, é possível configurar eventos para que o pixel registre quando ocorrer uma conversão como navegar durante um período de tempo específico, colocar um produto no carrinho, fechar uma compra, etc.

Vale lembrar que as medições em questão funcionam tanto com usuários de computadores quanto de aparelhos móveis e outros dispositivos e que todas essas informações ficam disponíveis para consulta em relatórios nas plataformas de anúncios.

Otimização de campanhas

Conforme configuramos os eventos com essa ferramenta, o sistema de ads consegue mapear particularidades das pessoas com maiores chances de realizar as ações desejáveis dentro do e-commerce. Algumas dessas características são faixa etária, gênero, cidade e dispositivo utilizado.

Com isso, ele passa a anunciar para esse público mais propenso a converter. A consequência disso é que os anúncios terão uma efetividade muito maior, trazendo uma audiência mais qualificada para a loja virtual.

A partir do momento que melhoramos os resultados com esse tipo de mídia, podemos desfrutar de outros benefícios como a geração de leads e a alavancagem das vendas.

Melhor custo-benefício

Também podemos ver vantagens do pixel de conversão para o orçamento do negócio com publicidade online. Já que esse recurso contribui diretamente para a otimização como um todo das campanhas, aumenta as chances de conversão.

Assim, o custo-benefício interessante das suas propagandas representará um investimento muito maior e mais atrativo para a empresa.

Como criar um pixel de conversão no Facebook?

Agora que já vimos o que é o pixel de conversão e entendemos a sua finalidade, vamos para a parte prática. Veremos como instalar o trecho de código fornecido pelo Facebook Ads, mas outras plataformas de anúncios também contam com um método similar, como é o caso do Google Ads.

Acompanhe o passo a passo.

1. Acesse o Gerenciador de Anúncios

Para começar, é preciso ter uma conta no Facebook e acessar o “Gerenciador de Anúncios”.

Para quem já criou um anúncio antes na plataforma, basta fazer login na rede social, clicar na seta que fica no canto superior direito e escolher “Gerenciar anúncios”.

Se nunca criou um anúncio no Facebook Ads antes, pode fazer isso diretamente da página do Facebook para Empresas. Clique em “Criar um anúncio” e você será encaminhado para o “Gerenciador de Anúncios”.

2. Entre na seção Pixels do Gerenciador de Eventos

Clique no menu hambúrguer (os 3 traços que ficam no canto superior esquerdo) e na seção “Mensurar e relatar”, selecione a opção “Pixels”, que fica na divisão “Gerenciador de eventos”.

3. Crie o seu pixel

O Facebook vai mostrar algumas explicações sobre a utilidade de configurar um pixel de conversão. Embaixo dessas informações, aperte no botão “Criar um pixel”.

Dê um nome para o pixel (isso serve para identificá-lo mais tarde no gerenciador) e, se quiser, digite a URL do seu e-commerce. Em seguida, clique em “Criar”.

Agora, aparecem as opções de configuração em si. Caso não conte com nenhuma das alternativas que o guia apresenta ou prefira fazer a instalação manualmente, selecione a opção “Instale você mesmo o código…”.

Seguiremos por esse caminho, mas se desejar, também poderá “Enviar as instruções por e-mail para um desenvolvedor”.

4. Instale o código no site

O Facebook vai gerar o código do pixel e dará todas as instruções para a instalação. Basta copiar o trecho e colar no cabeçalho do HTML do site.

Feito isso, é preciso aguardar alguns minutos para a plataforma do Facebook Ads verificar se o pixel foi inserido corretamente. Se não aconteceu nenhum erro ao longo do processo, o pixel aparecerá como “Ativo” no “Gerenciador de Anúncios”.

5. Confira os relatórios

Após confirmar que tudo está funcionando corretamente, você poderá conferir os relatórios gerados a partir dos dados recolhidos pelo pixel. Basta acessar o menu hambúrguer e escolher “Analytics”, que também fica na seção “Mensurar e relatar”. Depois, é só selecionar o seu pixel que diversas métricas estarão disponíveis para análise.

Podemos perceber, portanto, que o pixel de conversão é uma ferramenta poderosa para melhorar os resultados do e-commerce por meio da otimização de uma estratégia de publicidade. Por mais que o nome desse recurso passe uma ideia de algo extremamente técnico e complicado, a verdade é que ele é mais simples do que se imagina e ainda traz benefícios extraordinários para aqueles que decidem inseri-lo nas suas páginas.

Baixe o case: migração
Livraria Florence
Saiba como a Florence teve um crescimento 126% no tráfego orgânico e de 85% na receita desse canal após a mudança de plataforma!

Quero ler o e-book agora!