Início Estratégias de Marketing Dicas: a importância dos vídeos no e-commerce

Dicas: a importância dos vídeos no e-commerce

video-ecommerce

A popularidade dos vídeos na internet não é novidade, assim como o alcance que eles têm em redes sociais, aplicativos de mensagens e até na experiência de uma loja virtual.

Isso mesmo: investir em vídeo para e-commerce é uma das grandes tendências atuais. Eles trazem consigo um enorme engajamento, além do tempo de visualização e outras métricas que podem ser consideradas vantagens para este tipo de conteúdo. Que tal usá-los em seu e-commerce para aumentar suas vendas? Continue a leitura e confira como isso é possível!

 

A importância do vídeo para e-commerce

A principal característica do conteúdo em vídeo é a proximidade e possibilidade de conectar seu consumidor com a sua marca e seus produtos. É uma forma rápida e interativa, corroborada pelo fato do nosso cérebro processar mais rápido imagens e animações em frames.

Os usuários de internet, público potencial de lojas virtuais, consomem muito esse tipo de mídia. Segundo uma pesquisa realizada pelo Google em parceria com Instituto Provokers e Box 1824, o consumo de vídeos na web pelos brasileiros cresceu 135% entre 2014 e 2018.

Porém, não basta apenas adotar o formato para produzir conteúdos que dão resultados. É muito importante compreender o público a quem ele é destinado, as famosas personas do marketing de conteúdo. O material deve ser focado em seus interesses e dores. Veja de forma mais detalhada algumas vantagens que a mídia traz.

Confiança

Primeiramente, os vídeos passam confiança e credibilidade aos seus consumidores. A mídia permite que o e-commerce explore mais detalhes do produto, como dimensões, detalhes e até o seu manuseio.

Ver o produto assim, em movimento e em um ambiente real de uso, dá mais informações para que o cliente se sinta confortável em realizar a compra.

Engajamento

Outro fator interessante é que os vídeos promovem maior comunicação e relacionamento de sua empresa com clientes. Vídeos bem-feitos e criativos geram comentários, mas, principalmente, compartilhamentos. Não é à toa que esse tipo de mídia é o que demonstra mais potencial para viralizar na internet.

Retenção

Outra vantagem de um forte engajamento é que os vídeos mantêm o visitante por mais tempo no seu site. Naturalmente, interesses do seu público tem potencial de prender a atenção, o que reduzirá a taxa de rejeição das suas páginas.

Isso é muito importante. Quanto mais tempo o cliente passar na sua loja, maior chance de ter contato com outros produtos, navegar em outras categorias para conhecer novos vídeos, o que pode aumentar a intenção de compra.

SEO

Falando em retenção, não dá para deixar de citar o que esse formato pode fazer pelo seu posicionamento nos mecanismos de busca. Os vídeos trazem algumas métricas interessantes para a sua estratégia de SEO.

A primeira métrica é o tempo de permanência, que ajuda bastante no ranqueamento de suas URLs nos buscadores. Essas ferramentas de procura tendem a ranquear melhor a página com um tempo de permanência maior, a partir do fato de que, se o usuário fica mais tempo ali, ela provavelmente tem um conteúdo mais relevante para aquele público e para determinada busca.

Outro fato que pode ajudar na sua estratégia de SEO é você ter uma outra porta de entrada para o seu site, a partir de um link na descrição ou anotação do seu vídeo no YouTube.

Imagine que um usuário faz uma pesquisa por alguma palavra-chave relacionada ao seu produto e acha o seu vídeo no YouTube. Ele clica no link para o seu site e realiza uma compra. Além da conversão, esse comportamento trará maior relevância orgânica à sua loja a partir do tráfego de referência.

Conversões

Falando em compras, outro fato interessante sobre os vídeos em páginas de produtos é que eles também têm o poder de aumentar a taxa de conversão.

Os vídeos explicativos ou de opinião de outros consumidores ajudam o usuário a entender melhor o produto, suas funcionalidades e vantagens e auxiliam no aumento da confiança na hora da compra. Afinal, muitos consumidores brasileiros ainda sentem necessidade de “ver para crer” e esse formato ajuda a tangibilizar melhor aquilo que ele está comprando na internet.

Isso é algo difícil de ser alcançado por meio de texto e imagens estáticas. Há ainda o fator trocas ou devoluções. Às vezes seu cliente tem uma impressão nas imagens do produto e acaba esperando algo diferente da realidade, principalmente em termos de dimensões.

Os vídeos tendem a aproximar a expectativa da realidade, o que diminui a chance de um consumidor se decepcionar e transformar isso em algo negativo para a marca.

Custo-benefício

Por fim, a última vantagem que vamos citar aqui é o custo-benefício. Os vídeos publicados para internet e canais como YouTube são muito mais baratos que anúncios em televisão, por exemplo.

O custo de produção também é relativamente baixo. Para divulgação, tanto o YouTube como o Facebook permitem vídeos como anúncios segmentados, atingindo o público desejado de forma mais certeira.

O interessante é pensar também em uma estratégia multicanal. Com a criação de apenas um vídeo você pode abastecer campanhas distintas em redes sociais e portais, além das suas próprias páginas de produto.

Ou seja, você reaproveita um vídeo, aumenta o seu alcance e tem mais chance de transformar um investimento inicial baixo em um grande engajamento.

Como utilizar vídeos da forma correta em seu site

O vídeo para e-commerce traz todos esses benefícios, mas seu potencial máximo só é alcançado quando há planejamento, qualidade e intenção. Veja abaixo algumas dicas para que você produza tudo da forma certa.

Planeje bem o tamanho do vídeo

Estruturar seus vídeos é fundamental antes de começar a gravar. Existem algumas dicas dentro disso, como vídeos curtos serem mais efetivos e mais flexíveis em diversas redes sociais.

Essa é a parte importante: você tem que definir bem para quem está falando, por que e em quais canais. Ao desenhar sua estratégia, você perde muito menos tempo na hora de produzir as peças.

Tenha sempre um roteiro

Falando em ganhar tempo, ter um roteiro é obrigação. Não dá para ligar a câmera e começar a falar, uma vez que se pode perder objetividade, informações, ritmo, etc.

Mesmo em transmissões do tipo lives (ao vivo) é preciso ter uma pauta a ser acompanhada. Esse é o tipo de esforço que elimina o retrabalho e garante um resultado constante de qualidade para seus vídeos.

Grave vários vídeos de uma vez

Mais uma dica para economizar tempo, dinheiro e esforço da loja é planejar e roteirizar vários vídeos para serem gravados de uma vez.

Você pode aglutinar por tipos de vídeo (reviews, comparativos, tutoriais, unboxings, etc.) ou mesmo por produtos ou suas categorias. Além da redução no tempo, você ajuda a pós-produção a atingir um resultado mais homogêneo que crie uma identidade entre as peças.

Busque ajuda se necessário

Planejamento, gravação, pós-produção, tudo isso pode ser melhorado com ajuda especializada. Contratar uma produtora pode parecer a princípio um investimento grande, mas o retorno em qualidade e identidade para seu e-commerce pode ser a diferença que viralizará e atrairá mais clientes para a loja.

Escolha os canais apropriados

Seu trabalho não termina com o vídeo pronto, é hora de usá-los como ferramentas de divulgação e conversão. Tudo depende da forma como você apresenta suas peças. A princípio, o ideal é espalhar seus conteúdos o máximo possível — redes sociais, Whatsapp, YouTube, todos os canais disponíveis.

Contudo, é importante lembrar que nem todos os vídeos performam igual ou serão disseminados da mesma forma. Entender que esse formato funciona melhor dentro da loja, qual é mais compartilhado e quais trazem mais tráfego é fundamental para o sucesso dessa estratégia.

Não abandone o texto

Uma questão interessante do sucesso dos vídeos para e-commerce é que muitos lojistas ficam tão encantados que acham ser possível ter uma estratégia apenas nessa mídia.

Para questões de atração, tráfego orgânico e conversão, os vídeos nunca são suficientes. Eles serão complementos no seu e-commerce. Continua sendo fundamental, no entanto, que você invista em uma boa descrição dos produtos em texto e tenha o SEO bem trabalhado para ganhar boas posições nos motores de busca.

Ideias para apresentar vídeos no e-commerce

Agora que você já tem uma ideia melhor sobre como produzir e apresentar vídeos para e-commerce, vamos mostrar como você pode utilizar a mídia para encantar seus clientes.

Veja uma lista de modelos de vídeo que podem ajudar um e-commerce aumentando sua autoridade no mercado, seu alcance de divulgação e potencial de viralização.

Instrutivos

Vídeos instrutivos ajudam na educação do cliente. No geral, em forma de tutorial, os conteúdos ensinam o cliente como comprar na sua loja, utilizar alguma funcionalidade do seu site ou até como utilizar o produto.

A ideia desse tipo de vídeo é engajar o cliente criando o desejo de fazer aqueles passos. Por isso, é interessante investir em uma linguagem dinâmica, ser bastante didático e focar em terminar com um chamado para ação.

Suporte para escolha

São vídeos com conselhos de seleção para os clientes escolherem um produto, sobre como montar looks com peças específicas, como usar os produtos para decorar sua casa e ideias de como utilizar a mercadoria no dia a dia.

Esses vídeos reduzem pedidos de informação e devoluções e também aumentam o ticket médio. É uma boa hora para aproveitar o interesse em um produto e mostrar como ele fica incrível combinado com outros que você também vende.

Descrições detalhadas

Vídeos com todas as informações sobre o produto, que ajudem o cliente a visualizar dimensões, características técnicas, entre outros.

Você pode humanizar seus vídeos utilizando pessoas reais, como depoimentos de outros clientes. Outra boa ideia são os comparativos, que expõem modelos de produtos semelhantes apontando pontos fortes e fracos em cada um deles.

Em resumo, ofereça uma visão completa do produto antes de efetuarem a compra. Isso dará autoridade ao e-commerce (mostra que vocês têm domínio do produto que vendem) e passará uma imagem de confiança por fazer questão em mostrar opções em todas as suas características.

Conselhos pós-venda

São vídeos com conselhos pós-venda para ajudar a evitar as devoluções e trabalhar relacionamento. Informe sobre a sua política de devoluções e ensine o cliente a utilizar o produto de maneira correta, fale sobre o armazenamento, como lavar e limpar e outras informações que sejam compatíveis ao que você vende.

Esse tipo ajuda a diminuir o número de reclamações ao mesmo tempo que demonstra ao seu cliente que você se preocupa com ele — dando opções claras e objetivas do que fazer quando a descontentamento ou um problema com uma compra.

Atendimento

Você pode usar peças para FAQ e SAC, mantendo o storytelling acoplado ao seu site. Ofereça webinars, vídeos de divulgação para as redes sociais da empresa ou vídeos que respondam perguntas comuns dos compradores.

Lançamentos

A mídia também pode ser utilizada para os lançamentos da sua loja. Vídeos para divulgar novas campanhas, novas coleções (principalmente em e-commerce de moda que tem coleções sazonais), novas tecnologias e tudo que for um lançamento no seu site e puder atingir positivamente seus clientes.

O interessante nesse caso é aproveitar a exposição de um novo produto desejado para fazer uma ligação entre essa expectativa e a capacidade de oferecer novidades na sua loja.

Unboxing

Esse é um tipo cada vez mais comum de vídeo para e-commerce, que ficou muito famoso em redes sociais por demonstrar um produto ao mesmo tempo que se cria um desejo por ele.

A ideia desse modelo é fazer a abertura do produto passo a passo, demonstrando a caixa, sua abertura, os componentes que vêm dentro dela e a montagem/manuseio até o ponto em que ele esteja pronto para usar.

O unboxing se demonstra um sucesso para viralização, além de criar um impulso de compra no usuário. Quando bem-feito, pode aumentar consideravelmente a taxa de conversão dentro da página do produto.

Lives

Todos os modelos de vídeo para e-commerce que comentamos podem ser feitos no modelo de live — transmitido ao vivo pela sua própria loja e/ou redes sociais.

A ideia de uma live em loja virtual é captar ainda mais o momento de um lançamento ou trazer mais engajamento em uma conversa com especialistas sobre determinado produto.

Outra vantagem é que as lives não precisam de edição e pós-produção e ficam disponíveis mesmo depois que termina. Você aproveita um momento de “buzz” sobre um assunto e ainda ganha mais uma peça para suas campanhas de marketing.

Neste artigo, você conferiu algumas dicas de como transformar vídeo para e-commerce em uma grande estratégia de atração, engajamento e conversão. No entanto, lembre-se de que investimentos de qualidade de marketing devem ser acompanhados de uma boa experiência de compra proporcionada por uma plataforma de e-commerce de alta performance.

Para saber mais sobre a escolha do sistema da loja virtual impacta o sucesso do seu empreendimento, baixe agora o nosso Guia Definitivo de Migração de Sucesso e veja como a Esporte Legal conseguiu excelentes resultados com a mudança de plataforma de e-commerce!

Baixe agora o Guia definitivo da migração de sucesso

*Artigo publicado originalmente em fevereiro de 2018 e atualizado em fevereiro de 2019.